terça-feira, 18 de junho de 2013

Economia em uma frase

Desse texto do escritor John Lanchester (acho que o Tyler Cowen que tinha indicado há alguns meses):

Richard Feynman was once asked what he would pass on if the whole edifice of modern scientific knowledge had been lost, and all he could give to posterity was a single sentence. What axiom would convey the maximum amount of scientific information in the fewest possible words? His candidate was ‘all things are made of atoms.’ In a similar spirit, if the whole ramshackle structure of contemporary macroeconomics vanished into thin air and the field had to be reconstructed from scratch, the sentence which packs as much of the discipline into the fewest possible words might be ‘governments are not households.’ The principles of running an economy are in many crucial respects different from those of keeping your own finances in order. 

E depois:

The fact that the people in charge of recommending huge cuts in public spending don’t, at this basic level, fully understand the economic effect of those cuts, is surprising only if you’re unfamiliar with just how little certainty there is in the world of macroeconomics. (An alternative single-sentence summary of the entire field would be ‘nobody knows anything.’) 

Sem pensar muito, acho que minha frase seria "pessoas respondem a incentivos". Qual seria a sua?

23 comentários:

F.Arranhaponte disse...

Subscrevo a tua

LMG disse...

Ação humana é ação propositada.

Anônimo disse...

Macroeconomics is a sofisticated art. Or Macroeconomics is not for amateur.

Pedro disse...

Sem duvida: nao existe almoco gratis

Jorge Browne disse...

Concisão não é meu forte mas vai lá: "a moeda importa".

Anônimo disse...

Meu gasto gera sua renda

paulo araujo disse...

Nada neste mundo é estável

Anônimo disse...

Meus caros,
Eu ficaria com a idéia mais sofisticada e incompreendida da teoria econômica (mesmo depois de 200 anos); "O que importa para as trocas (e o aumento do bem-estar social proporcionado por estas) são as vantagens relativas, não as absolutas". Acho difícil bater esta.
Um grande abraço,
Claudio Burian

Anônimo disse...

Todas do Guido Mantega

Anônimo disse...


"Tudo tem seu preço".

Fat Tony disse...

Não trate a economia de um país como se fosse uma máquina de lavar

Anônimo disse...

"Elimine a causa que o efeito cessa." Miguel de Cervantes

Victor Pacheco disse...

Num mundo de recursos finitos toda escolha importa.

rodrigo disse...

"pessoas respondem a incentivos"
Ou
"Uma cenoura na frente e outra atrás."

Anônimo disse...

Nao existe almoço grátis

Anônimo disse...

No longo prazo...

Anônimo disse...

Arrogância e convicção são os alicerces da cegueira dos derrotados.

RSC

Anônimo disse...

All money is a matter of belief.

Anônimo disse...

1+1 = 2
KB

Anônimo disse...

"Nunca antes na historia deste pais" kkkk

Brincadeirinha!!!

"rational economic activity is impossible in a socialist commonwealth."

BLOG do RAUL disse...

Farinha pouca, meu pirão primeiro

Ricardo Agostini Martini disse...

"O único remédio consite em persuadir o público de que lua e queijo são praticamente a mesma coisa, e a fazer funcionar uma fábrica de queijo (que o mesmo é dizer um banco central) sob a direção do poder público."

TG do Keynes

Group 4 Paintball disse...

"No longo prazo, estaremos todos mortos".