quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Gráficos do Dia - Moneyball

Do último relatório Football Money League, da Deloitte. O glorioso alvinegro paulistano foi o time com maiores receitas fora da Europa, mas atrás de potências como Fulham, Sunderland e Valencia.


14 comentários:

Anônimo disse...

Corinthians sempre foi uma marca forte, a questão era outra, com o calendário um pouco melhor os resultados aparecem no balanço.


abs,

Marcelo

Delfim Bisnetto disse...

E essa é para a temporada 2011/12. Na atual, com renovação Nike, Caixa e Mundial (prêmio e merchandising), o negócio deve ser melhor.

Anônimo disse...

Você acha que um dia o Brasil vai chegar nos top europeus? Pelo menos Corinthians, Flamengo, São Paulo...

Guilherme

Drunkeynesian disse...

Devia chegar pelo menos nos da Turquia! Nos top é mais difícil, Brasil ainda é um país pobre comparado à maioria dos europeus. Mas obviamente eu não entendo porra nenhuma de finanças futebolísticas, só sou curioso sobre o assunto.

Anônimo disse...

E aí drunk, achas justo um clube receber patrocínio milionário de um banco público sem ações na bolsa? Conheces alguma análise explicando como foram feitos os financiamentos dos estádios para a copa 2014?

Jorge Browne disse...

Bom, me lembro quando o presidente da Unimed, com um patrocínio muito milionário ao Fluminense, declarou que iria retirá-lo se uma determinada chapa não se elegesse nas eleições do clube, ninguém compartilhou o meu escândalo na época...

Anônimo disse...

Drunk, fiesp batendo duro no caso das energéticas...

http://www.youtube.com/watch?v=Vsvdm6KdIkU

abs,

Anônimo disse...

Com o governo ajudando tanto essa presença no ranking deve estar muito distorcida. Não é mais um time normal, é um caso à parte. Mesmo quando recebia dinheiro de empresa privada na camisa como Panamericano e Hypermarcas essas empresas eram carregadas pelo governo via cef, via bndes. Agora é tudo direto mesmo, e ainda tem a Globo que pra ficar bem com o Palácio está transformando jogo do corinthians em horário eleitoral, monopolizando o horário.

Anônimo disse...

Pois é, mais uma inovação petista: além de bolsa disso e daquilo para os ignorantes, temos agora um time do governo.

Anônimo disse...

Seria bom que o Manteiga e companhia lessem esse novo livro sobre desenvolvimento econômico:

http://www.elsevier.com.br/site/produtos/Detalhe-produto.aspx?tid=88585&seg=3&isbn=9788535251555&cat=276&origem=Lista&evp=&tit=DESENVOLVIMENTO%20ECON%c3%94MICO

Desenvolvimento Econômico UMA PERSPECTIVA BRASILEIRA

Fernando Veloso
PEDRO CAVALCANTI FERREIRA
Fabio Giambiagi
SAMUEL DE ABREU PESSÔA

Delfim Bisnetto disse...

O ciúme doi nos cotovelos... Na raiz dos cabelos...

Anônimo disse...

Não é ciúme, mas sim, uma questão de senso de justiça. Mas estamos tão acostumados com escândalos (a amante que faz tráfico de influência, o mensalão, etc.) e com injustiças que achamos normal o uso de dinheiro público para financiar um clube milionário.

Anônimo disse...

Drunk

Senti falta do Porto FC.
O clube vendeu o F. Garcia e o Hulk por quantia astronomica e não aparece no relatório?
Sonegação de informações? Sociedade fechada?
Brados
Martins

Delfim Bisnetto disse...

Não nego que possa haver certo favorecimento, mas daí a dizer que é o "time oficial do governo", francamente...

O Corinthians tem a maior receita do país porque, dentre os de maior torcida, é o melhor administrado.

Só lembro que esse número aí da tabela não inclui nem Caixa nem Itaquerão...