quinta-feira, 8 de março de 2012

Frases do dia - Brasil & capitalismo

"Basta de gastar sem ter dinheiro. Basta de tanto subsídio, de tantos incentivos, de tantos privilégios sem justificativas ou utilidade comprovada. Basta de empreguismo. Basta de cartórios. O Brasil não precisa apenas de um choque fiscal. Precisa, também, de um choque de capitalismo, um choque de livre iniciativa, sujeita a riscos e não apenas a prêmios."

Quem acertar o autor e o contexto ganha uma cocada (no fim do dia eu coloco aqui).

P.S. Claro que todo dia é dia da mulher, mas não custa hoje mandar um abraço às leitoras.

Update: o pessoal dos comentários matou muito rápido. A frase é de um discurso de Mário Covas (supostamente redigido por José Serra) na campanha presidencial de 1989, citado no Notícias do Planalto, de Mario Sergio Conti. 23 anos depois, gastamos menos, mas subsídios, privilégios e incentivos continuam, e o choque de capitalismo, fora de moda em todo o mundo, parece longe da realidade.

6 comentários:

disse...

Dilma, num surto psicótico?

Moska disse...

FHC numa formatura de economia?

Maciel disse...

Vale colar?

Foi em 1989, no primeiro discurso do candidato?

Lucas Iten Teixeira disse...

Mario Covas, 1989, discurso de lançamento da candidatura à presidência.

Isso é um viés meu de ter participado da juventude tucana nos tempos feanos de graduação. Bons tempos de ilusão....hahahaha

Mas falando sério: no livro "Noticias do Plananto", aquele do Mario Sergio Conti falando da eleição e do governo Collor, disse que quem montou esse discurso, pasmem, foi o Serra. O que realmente duvido.

Drunkeynesian disse...

Achei que iam demorar mais pra matar :-) É do livro do Conti, mesmo. Jajá atualizo lá em cima.

Dawran Numida disse...

Incrível como o Brasil seria o eterno País do futuro. E eternamente, as coisas pensadas no passado ainda são atuais.
Algo pode estar muito errado. Ou muito certo, como a fadiga de material, como dizem engenheiros e curiosos palpiteiros em geral.
Choque de capitalismo nunca foi algo tão moderno e inovador como hoje.