terça-feira, 13 de abril de 2010

O silêncio que precede a tempestade

Andrew Shawn fala sobre a queda do VIX, o índice de volatilidade das ações do índice S&P 500. A acomodação desse índice em níveis muito baixos pode ser sinal de turbulência à frente.

Uma leitura de 15,58 (o fechamento de ontem) é, grosso modo, compatível com variações diárias no S&P 500 de menos de 1% (para os interessados nas contas 15,58% dividido pela raiz quadrada de 252 -- o número de dias úteis num ano). Esse tem sido o padrão nas últimas semanas (há mais de um mês não há um movimento desse tamanho), mas faz muita gente -- este escriba incluso -- desconfiar de uma certa complacência dos investidores americanos.

Um comentário:

Ricardo Medeiros dos Santos disse...

Oscilação de 1% tanto lá quanto aqui virou coisa de outro mundo... Só falta o Timão ganhar a Libertadores agora!