quinta-feira, 5 de julho de 2012

Fronteiras da análise técnica - The Bullish Cyclist

A contribuição de Warren Buffett para o folclore a ciência:

“I don’t want to kid anyone in here, I’m not a technical analyst. Charts are for those who haven’t got the patience to value an investment. In fact the only time I check charts is to determine whether the bullish cyclist is signalling a buy. If it is, I tell the Mungster to ramp me up at least six yards of the stuff”






Via 1 Percent Blog.


Mais fronteiras da análise técnica: o Velociraptor e o Vampire Black Swan

38 comentários:

Anônimo disse...

Drunkeynesian

Estou de pleno acordo com Warren Buffett sobre as limitações da Chart Analysis (grafismo), embora eu faça uso parcimonioso dessa técnica. Até brinco com os grafistas fanáticos que eles conseguem enxergar um buraco 5 metros à frente, mas não fazem a menor ideia sobre o que virá depois da primeira curva.

Todavia, a Escola Técnica não se resume apenas em grafismo. Há indicadores técnicos que são leading indicators do mercado, embora, frise-se, apresentam lead time muito curto.

Para melhorar o timing de uma operação esses indicadores são de longe mais eficazes do que os da Escola Fundamentalista.

Eu era muito cético em relação ao emprego de algoritmos baseados em indicadores da Escola Técnica. Isso até ler bastante sobre David Harding e, posteriormente, gastar 2 anos em estudos (mestrado) sobre inteligência computacional voltada para o mercado financeiro.

Redes neurais (otimiza a escolha dos indicadores) combinados com algoritmos genéticos (otimiza os parâmetros dos indicadores) têm apresentado desempenho que bate consistentemente o buy and hold especialmente quando empregados no trading de ETF’s de índices representativos de um mercado (Forex, SPY, QQQQ, etc.).

O consistente desempenho dos fundos geridos por David Harding – opera todos os mercados - é um exemplo de que tais ferramentas são eficazes e que manda para a lata de lixo um dos pilares das finanças clássicas sobre a eficiência do mercado.

[]

KB

RedRut disse...

Obrigado pela re-post. O comentário acima é um dos mais divertidos que já tive o prazer da leitura. Por causa dele, espero que ele não está sendo sério.

RedRut
www.1percentblog.com

Drunkeynesian disse...

Preciso escrever um post maior sobre análise técnica.

Anônimo disse...

Nada funciona. Mercado é imprevisível.

Drunkeynesian disse...

E todo mundo que ganha $ é por sorte?

Anônimo disse...

Sim. Sorte.

Drunkeynesian disse...

Beleza. Vou continuar jogando meus dados aqui.

Anônimo disse...

DK, o primeiro comentário a este post é interessante.
Fui muito ligado ao mercado nos anos 90 e não consegui largar um velho mantra que rolava nas corretoras: "nunca vi grafista rico"..rsrsrsrs.
Realmente tenho dificuldades em aceitar a análise técnica.
Por outro lado, a abordagem do KB (em cima) me deixou intrigado, pois me deu uma ideia de que a coisa não é apenas uma forma simples e barata de achar que vai ganhar dinheiro.
Sei lá, sempre achei que bolsa tem haver com informação e que informação boa custa dinheiro, tempo, contato, análise, etc. Por outro lado, e por conseguinte, sempre achei que análise técnica era uma forma de se enganar, pois com um simples programinha você acha que vai poder antecipar o mercado, sem ter nenhum custo de informação e sem ter que tirar o rabo da cadeira.
Bem...ainda acho um pouco isto, mas, como disse, achei interessante o comentário do KB aqui em cima.
Em resumo: seria legal você fazer um post caprichado sobre análise técnica.
Você rala e nós saboreamos.
Mas no final, como você sabe, todos ganham.
Abs
Ronaldo

Drunkeynesian disse...

Vou deixar na agenda pra semana que vem.

Anônimo disse...

Sinceramente, acho deplorável ver as pessoas falarem mal de análise técnica, nesse exato momento existe um verdadeiro exército de grafistas e analistas trabalhando, e certamente fazendo dinheiro. Opero unicamente por gráficos, mas nunca quis antecipar ou tive a prepotência de prever o mercado. Tudo que sei é que a melhor forma de seguir os tubarões para uma sardinha é acompanhar o caminho dos mesmos. Para o swing trade ou operações de curto prazo (única forma de ganhar dinheiro na nossa bolsa atualmente) a única análise eficaz é a análise técnica, ninguem acerta sempre, mas de acordo com sua qualidade de análise e tempo de estudo, seus erros tendem a ser menores que o acerto. Para mim, conseguir fazer 3 a 4% ao mês entre erros e acertos ja é um objetivo ideal, e que nenhum outro investimento traz. Facil julgar a análise técnica quem estudou por meio ano e perdeu dinheiro, até porque quem consegue lucrar com isso (muitas das vezes os bancos) não irão perder tempo nessa discussão. Acompanho o blog diariamente, abraço.

Anônimo disse...

E pra acrescentar, eu nunca perderia tempo com análise técnica e operações de curtíssimo prazo se tivesse o dinheiro ou o talento de Buffet, como não tenho...

Anônimo disse...

Agora me empolguei... Sou economista e estudo muito a teoria economica, bem como a realidade e conjuntura vivida. Nunca aliei isso a análise técnica, como o nome diz, é apenas uma técnica de operação, nada mais que isso. Pessoas que vêem de outra forma geralmente serão mal sucedidas ou irão posteriormente estar falando mal da mesma. Uma coisa é economia, e caminhos do mercado, outra totalmente diferente é uma técnica de acompanhamento do comportamento dos tubarões no curto prazo. O que poderia antecipar o mercado, é o estudo denso dos relatórios de produção industrial, variação do preço das commodities, investimentos do setor privado e enfim, dados economicos concretos. Estudo isso tambem, mas para outras análises, sobretudo para saber em que gráfico estou me metendo, mesmo que por curto prazo. A valorização do capital é a grande questão desse sistema, o que as sardinhas devem fazer, é migrar para aonde isso está acontecendo, e não tentar achar o próximo...

Drunkeynesian disse...

Não, não - mercados antecipam as variáveis econômicas, não ao contrário.

Anônimo disse...

Meu caro anônimo analista técnico
Inicialmente, parafraseando uma velha gravação conhecida como a "da Telerj": - Grandes merdas que você é economista.
Segundo: Tubarão? Sardinha? Cadê o coitado do baiacú?
Meu amigo, vá pescar, é o melhor que você tem a fazer.
Hahahhaha...cada figura que aparece.
Deve ser por isto que antigamente tinha na bolsa o aquário...rsrsrsrs
Ahh...em ainda em sua homenagem, uma música:

Tragédia No Fundo do Mar
Os Originais do Samba

Assassinaram o camarão
Assim começou a tragédia no fundo do mar
O carangueijo levou preso o tubarão
Siri sequestrou a sardinha
Tentando fazer confessar
O guaiamu que não se apavora
Disse: eu que vou investigar
Vou dar um pau nas piranhas lá fora
Voces vão ver, elas vão ter que entregar
Vou dar um pau nas piranhas lá fora
Voces vão ver, elas vão ter que entregar
Logo ao saber da notícia a tainha tratou de se mandar

Até o peixe espada também foi se entocar
Malandro foi o peixe galo
Bateu asas e voou
Até hoje eu não sei como a briga terminou
Malandro foi o peixe galo
Bateu asas e voou
Até hoje eu não sei como a briga terminou

Anônimo disse...

Mercados antecipam as variáveis econômicas? Pegue o gráfico de produção industrial do g17 do FED e analise em relação do DowJones, é bem rapidinho, apenas sobreponha um sobre o outro e me conte isso denovo...

Anônimo disse...

Grandes merda em ser economista? Aliás qual a importância do estudo da Ciência Econômica no mercado financeiro né?... deprimente, deve ser um engenheiro que não teve força pra seguir profissão ou um administrador (dispensa comentários), na melhor hipótese.

Anônimo disse...

carangueiiiiijo?????????? Se quer tirar onda de maioral, pelo menos escreva certo...

Jorge Browne disse...

"mercados antecipam as variáveis econômicas, não ao contrário."

Quem acerta é o tubarão, quem erra vira a sardinha.

Aproveitando as ondas do mar, essa nem de longe é minha praia, mas pouca gente discute o papel da fraude (isso mesmo: crime, falcatrua, trampa, cambalacho) nesses mercados.

Drunkeynesian disse...

Anom das 15:11, então é só olhar a produção industrial do G17 e ficar rico operando bolsa americana?

Anônimo disse...

Não, porque a produção industrial está estagnada a curto prazo, mas no longo sim. Você ao menos olhou Drunk? Não estou julgando como o que tem a razão, mas essa questão acho de importante discussão, para mim o mercado segue os dados reais da economia no medio/longo prazo. Faço estudo em produção industrial para analisar Dow Jones, assim como da variação do pretróleo e de outras commodities no Ibov. Acho que seria muita coicidência a economia real seguir os mercados financeiros, e muito mais sensato o contrário, por que você afirma daquela forma? abraço.

Anônimo disse...

Outras ideias para tentar casar com o gráfico do SPX:

- Índice pluviométrico do Casaquistão

- Consumo agregado de Viagra pela população canadense

- Número de casos de Caxumba em Wladvostok

- Índice de suicídios no Leste Europeu

Tenta aí que algum desses deve casar

Anônimo disse...

Então só eu aqui acho que o mercado financeiro segue os dados econômicos? Não se prevê dados econômicos, assim como o mercado, mas quanto maior sua capacidade de análise e seu conhecimento, melhor irá criar cenários, função de um bom economista. E que certamente ajudaria a escolher quais empresas comprar, assim fizeram tantos gigantes.

Drunkeynesian disse...

Eu imagino que tenha correlação, não estou duvidando. Só acho que a operacionalização é muito difícil - primeiro, porque o dado macro é atrasado 1 ou 2 meses; segundo, porque o mercado pode passar muito tempo "teimando" em não seguir os dados". Ainda assim, no fundo acho que o mercado é mais rápido a reagir a mudanças no cenário econômico do que isso é refletido nos dados.

Anônimo disse...

Segue. Se vc for personagem daquele seriado que nego pára o tempo, fica fácil. Congela o tempo na hora que sair o dado econômico, opera o ativo e depois solta o tempo.

Anônimo disse...

O que explica então a correlação entre Dow Jones e Produção Industrial Norte Americana? Peço que faça um estudo a respeito, os dados são bem fáceis, eu fiz um utilizando gráficos normais de sites de bolsa, de 1987 até hoje, pelo relatório do FED. São muito fiéis. Concordo a dificuldade em relação ao tempo em que saem os dados, mas você acha que esses dados não são conhecidos por alguns dos grandes antes da gente? Continuo achando mais dificil a produção industrial seguir a bolsa do que o oposto, fato é que pelo menos na DowJones, é praticamente igual.

Davila disse...

It's all'out Bernanke, Stupid !
Live, fell, eat and smell it and u might earn a buck

Davila disse...

BTW fantásticas essas novas figuras !

Anônimo disse...

Op! Então estamos ricos. \o/. Drunk, fecha o blog. Esconde o site pra ninguém mais ver e vamos operar essa nova ideia e acumular toda a riqueza do mundo em nossas mãos.

Anônimo disse...

Realmente assassinaram o tubarao....e o tubarao cacador de sardinhas ficou a ver navios...vou pros estates....operar big mac.
Nego quer inventar o moto perpetuo do mercado financeiro.
Nem o Biff do De volta para o futuro ficaria tao rico quanto nosso super operador de analise tecnica.
Merecia o SB ter uma conversa com esta figura.
Daqui a pouco ele vai me dizer que os panacas do Bastter e do StormEr sao os herois dele.
Vai lavar carro que voce se da bem.
Ou melhor, va pescar baiacu!

Anônimo disse...

Não esperava que o meu comentário fosse dar tanto pano pra manga. Em primeiro lugar eu julgo que para avaliar uma tese tem-se que conhecer a metodologia e as ferramentas. Sempre há pontos fortes e fracos em qualquer metodologia em se tratando de operar o mercado financeiro. Opinar sobre uma tese sem ter a capacidade técnica e experiência para avaliá-la é no mínimo pouco prudente. Sábio quem sabe ficar calado nessas horas. Duvide, mas certifique-se.

O emprego de redes neurais (regressores universais não lineares), para ponderar a escolha dos indicadores técnicos, e de algoritmos genéticos, para a otimização dos parâmetros dos indicadores, é um trading system que gera uma operação com duração de apenas 1 dia, se a base de dados é diária. O sistema se degrada exponencialmente quando se projeta acima disso, pois indicadores técnicos (momentum por exemplo) não são capazes de antecipar oscilações no médio prazo.

Um trading system (TS) baseado na técnica descrita não é infalível. O TS deveria apresentar uma taxa de acerto acima de 50%, senão é melhor jogar dados. É raro um TS apresentar taxa de acerto acima de 75%. Mas a avaliação não para por ai. Tem-se que avaliar o payout (ratio entre lucros e perdas totais). Além disso, a evolução do capital empregado deveria ser a mais suave possível para que não dependa de poucos trades isolados e mostre consistência. Mas perdas haverá sempre, duro para a maioria é lidar com elas.

No médio prazo o mercado converge para os fundamentos, quero dizer para a curva dos lucros futuros, taxa de juros e grau de propensão ao risco. Por essa razão convém usar também como inputs da rede neural macroeconomic leading indicators (por isso um conhecimento mediano de econometria vem a calhar).

No curto prazo o mercado é aparentemente randômico e claramente ineficiente (dot.com é uma prova). Por essa razão existem arbitragens. Mas só na aparência o mercado é randômico no curto prazo. Ele segue padrões que nós seres humanos não conseguimos processar na maioria das vezes e, além disso, há a armadilha da dissonância cognitiva. Uma rede neural feedforward é capaz de processar milhões de informações e é imune à dissonância cognitiva.

Um TS para ser criado precisa de duas expertises, idealmente três. Uma relativa à inteligência computacional, para otimizar os parâmetros da rede e do algoritmo genético (GA), a segunda em relação à anatomia do mercado para mostrar à rede os inputs e outputs desejados (é tão importante esse conhecimento quanto o relativo à otimização da rede neural e do GA). Nos meus experimentos o TS para a bolsa (não para commoditites) foi melhorado com um input macroeconômico (um apenas), um técnico e informações sobre preços mais recentes (poucos dias). Além dessas expertises, é recomendável um bom conhecimento sobre econometria, sem precisar ser um PhD em economia, para a escolha de leading indicators.

Se uma pessoa não detém nenhuma dessas expertises eu poderia entregar a ela uma caixa preta, embora consistentemente lucrativa mas com algumas recaídas, que no primeiro trade negativo essa pessoa perderia a confiança no TS. Além disso, são poucas pessoas que conseguem lidar com os inevitáveis prejuízos. Portanto, não me surpreende constatar que a maioria das pessoas é cética em relação ao emprego dessas técnicas.

Não pensem que a criação de um TS consistente é um desafio fácil de vencer. A maioria dos TS é inconsistente. Quem descobre um não o revela.

Aos céticos curiosos - os céticos preconceituosos não têm conserto – sugiro perder alguns minutos e pesquisar na internet sobre o desempenho de David Harding que atualmente gere 29 bilhões baseado EXCLUSIVAMENTE em algoritmos (não sei se em libras ou dólares) e que tem obtido retorno anual acima de 10% aa (até onde eu sei uma média de 15% aa) desde 1988 !!!
Sorte??? Haja sorte.

By the way, na bolsa eu uso a minha rede neural biológica, mas em mercados mais opacos (commodities, forex) somente um TS para sobreviver.

[]

KB

Anônimo disse...

Tu tá fazendo trend following com média móvel e coisas do gênero. O resto é papagaiada

Anônimo disse...

Põe 50mil macacos operando (um botão compra, outro botão vende). Teremos uns macacos fazendo um lucro muito bom.

Macaco Trading disse...

Olha que o Macaco pode ser surpreendente

Anônimo disse...

Curiosamente li algo sobre David Harding um dia desses (nao lembro onde). Nesse texto, o cara se vangloriava de ter historico do preço do trigo desde o século 13 e isso o ajuda a alimentar seus algoritmos para operar commodities.

Acredito que a influencia do preço do trigo no ano 1200 e poucos nas variaçoes das commodities hoje é comparavel à do indice pluviométrico no Casaquistao ou numero de casos de caxumba em Wladvostok!

"Mas só na aparência o mercado é randômico no curto prazo. Ele segue padrões que nós seres humanos não conseguimos processar na maioria das vezes e, além disso, há a armadilha da dissonância cognitiva." ... sera que tem padroes mesmo? Sera David Harding com seus super algoritmos e computadores equivalente a um ser superior capaz de processar os supostos padroes ou sera ele um "macaco surpreendente"?

No mais, aguardo ansiosamente o post sobre analise técnica!

Abs
RTB

Gustavo B disse...

Não sei se vcs perceberam mas na figura do post existe um O-C-O que cumpre exatamente seu objetivo em 100% como a análise gráfica prediz. Então o cara que postou isso ao invés de ridicularizar a o grafismo apenas o confirma não intencionalmente.

Anônimo disse...

Pode crer: tem um OCO aí! E hoje achei uma figura de Jesus no meu pote de margarina

Anônimo disse...

E eu achei no fundo de meu copo de café um resto de borra que indica que o Ibov vai subir hoje 2,21%. Pena que não dizia qual papel ia subir, senão em me entubava de opções...que droga de previsão!!!
Acho que vou voltar aos gráficos.

Ticão disse...

Esse blog do Drunk é muito divertido.